Chegamos ao fim de mais uma etapa do BSOP

Está encerrada mais uma etapa do campeonato brasileiro de poker. Mais uma vez o evento foi um verdadeiro sucesso.

E para coroar a 1ª etapa de 2016, grandes nomes se destacaram e conseguiram bons resultados.

No evento principal, nada mais nada menos, que Kelvin Kerber sagrou-se campeão em uma reta final cheia de regulares. Kelvin que é sócio do Samba Team, além de ganhar o evento principal, ganhou o Win the Button – Mix Max.

 

Confira abaixo a classificação final da mesa final: (baseado nos valores originais)

1- Kelvin Kerber – R$ 513.500,00
2- Gustavo Kamei – R$ 295.700,00
3- Eder Ferronato – R$ 208.000,00
4- Fernando “Grow” – R$ 154.000,00
5- Ignacio Bernard – R$ 120.400,00
6- Oscar Alache – R$ 90.600,00
7- Nelson Scariot – R$ 69.300,00
8- Élder Soares – R$ 49.200,00

No high rollers, tivemos uma das mesas finais mais difíceis de se jogar. Nomes com excelentes resultados, mostraram porque fazem parte de um seleto grupo de jogadores que se destacam no poker nacional. Dos que não chegaram no troféu, destaque para Laurie Tournier, André Akkari e Renan Bruschi que foi o segundo brasileiro mais lucrativo se tratando de online em 2015.

E após deal no 3-handed, Luiz Duarte sagrou-se campeão. Em um 3-handed que tinha o campeão paulista de 2015, o campeão da etapa do BSOP Brasília e ultimo campeão da etapa do campeonato paulista e nada mais nada menos que nosso November nine.

Confira abaixo a classificação final da mesa final: (baseado nos valores originais)

1- Luiz Duarte – R$ 210.700,0012666527_966287030114314_995837170_n
2- Norson Saho – R$ 142.730,00
3- Bruno Foster – R$ 95.150,00
4- André Akkari – R$ 77.930,00
5- Laurie Tournier R$ 62.530,00
6- Marcelo Mesqueu – R$ 48.480,00
7- Renan Bruschi – R$ 35.890,00
8- Victor Haseyama – R$ 26.370,00

Destaque para a reta final do evento Heads-up, que iniciou ontem, 01, e contou com quatro fortissimos jogadores que iriam definir o torneio na semi final, e enfim no heads up final.

O primeiro match foi entre João Bauer e Felipe Mojave, o segundo entre, Thiago Decano e Marcelo Fonseca. Formando a final entre Felipe Mojave e Thiago Decano, no qual o Team Pro do Brasil Poker Live, Thiago Decano se saio o grande campeão.

12674265_966287023447648_1294625961_nConfira abaixo a classificação final da mesa final: (baseado nos valores originais)

1- Thiago Decano – R$ 20.510,00
2- Felipe Mojave – R$ 13.670,00
3- Marcelo Fonseca – R$ 7.330,00
4- João Bauer – R$ 7.330,00

No main event light, iniciado ontem, 01, que contou com buy in de R$1.300,00, estrutura de fichas e blinds iguais a do main event, com a diferença que nesse torneio, os blinds são de 15 minutos.

Quem levou vantagem sobre o field foi Magno Leite que venceu o norueguês Brynjar Baadshaug no heads up para sagrar-se campeão. Renata Teixeira, a “xtinhax” completou o podium na 3ª colocação.

B Conteúdo – Fichas Brasil