Entenda o Blefe de Luiz Duarte no PSC Panamá

Sabemos que blefar é uma arte muito valiosa no mind game do poker. É uma jogada avançada que confunde o adversário e muito lucrativa se bem jogada.

Recentemente ocorreu no Panamá o PokerStars Championship, evento da nova série de torneios pelo mundo do PokerStars. Alguns brasileiros participaram do Main Event, incluindo o grande jogador Campeão Paulista e vice-campeão Brasileiro de poker Luiz Duarte.

Luiz_Duarte
Luiz Duarte – Foto: Neil Stoddart © www.pokerstars.com

Luiz Duarte começou bem o torneio e se manteve firme até a reta final, quando resolveu realizar uma jogada arriscada e lhe custou o torneio. Veja abaixo a minha análise:

Os blinds eram 2.500/5.000 ante 500. Restavam apenas 37 jogadores, uma fase do torneio em que alguns jogadores tendem a se segurar, e os de maiores stacks começam a acelerar o ritmo do jogo para verem mais eliminações e a mudança da faixa de premiação.

Após um raise para 11.000 fichas do jogador JC Alvarado (jogador regular muito bom) no cut-off, Luiz duarte resolveu defender o seu Big Blind com Q♦T♥, tendo um total de 149.000 fichas em seu stack (30bb).

O flop trouxe 3♥K♣K♠ .

Luiz Duarte da check. Nesse momento eu penso que ele apenas respeitou o agressor da mão, para induzir o bet do Alvarado e dependendo do size, decidir o que fazer. Alvarado realiza uma aposta de 9.000 fichas (31% do pote). Acreditando ser uma jogada explorável, Luiz Duarte faz um raise para 23.000 fichas. O que podemos ver aqui é um clássico preparo para um blefe ou semi-blefe. A jogada demonstra muita força, o que na mente do adversário faz ele pagar apenas com mãos que tenham uma chance de vencer no turn e river, pois mãos como a trinca de reis ou o full de 3 com rei fariam o 3-bet, já que o bordo não possui draws que assustem. Talvez Luiz Duarte pensasse em ganhar a mão ali, ou simplesmente jogar a mão por blefe turn e river e ver o seu adversário foldar. Alvarado no entanto, apenas da call no raise de Luiz.

Turn: 7♦

O turn é uma carta que também não assusta. Não abre draws pois não conecta com o flop, apenas mãos como 77 estariam confortáveis para ganhar essa mão no turn. Ambos jogadores dão check. Luiz está preparando para ganhar a mão no river, indepentemente da carta que aparecer, já que ele representou essa trinca, e com o Q♦T♥ em mãos, ele tira muitas combinações de mão que abrem do cut-off como QT, QJ, KJ, KT e KQ. Então na visão dele, é muito dificil que o Alvarado tenha a trinca. Porém o Alvarado é um otimo jogador, e percebeu que o check-raise de Luiz poderia ser um blefe, já que com a trinca ele talvez jogasse apenas por valor, pagando a aposta de 9.000.

O river é um J♠.

Luiz Duarte tinha preparado seu blefe e o executou. Ele resolveu ir all-in com as 115.000 fichas que lhe restaram. A jogada é muito forte. Isso faz o Alvarado pensar, porque com que mãos Luiz poderia estar fazendo uma aposta de tanto valor que põe o seu torneio em risco? Alvarado segurava A♣J♣, e desde o começo da ação, apenas uma carta poderia melhorar sua mão. Porém tendo visão que o range de defesa do Big blind é bem amplo, ele acreditava que seu Ás High poderia ser vencedor até o turn. Com o J♠ no river, ele se sente confortável de ter um valor na mão. Talvez se Luiz viesse para um check ele até mesmo apostaria por valor. Luiz precisava que a aposta no river combinasse com suas ações flop e turn, fazendo um size muito grande para que o adversário folde a mão, pois se não seria muito fácil para Alvarado pagar com seu Ás high. Analisando o histórico das ações, após pensar bastante, Alvarado efetua o call e vê o blefe de Luiz, puxando o pote e o eliminando do torneio.

A jogada de Luiz Duarte não foi ruim. Ele tinha stack, tinha “blockers” na mão e tinha um oponente abrindo de uma posição de range amplo, e apostando no bordo seco. Alvarado leu muito bem a jogada e deu um belo hero call.

Luiz Duarte ficou com a 37ª colocação e levou $ 9.780,00 como prêmio Uma ótima atuação sendo o melhor brasileiro no evento.

Blefes são jogadas arriscadas porém lucrativas, é essencial que você aprenda os conceitos de como e quando realizá-la se quiser se tornar um bom jogador.

André Santos

 

B Conteúdo – Fichas Brasil